24 de Maio de 2018
Manaus,BR
°C

Notícias

De virada, Naça vence Penarol por 2 a 1

No duelo de Leões, o da Vila Municipal levou a melhor. Em dia estreias, com novo uniforme e novos reforços, o Naça chegou a ficar atrás no placar, mas, após o intervalo, o time voltou e virou. Os gols foram marcados por Charles Chenko que abriu o placar aos 10 minutos do primeiro tempo para o Penarol e Paulo Roberto empatou aos 47 do primeiro tempo. Na segunda etapa, também aos 47 minutos, Guigui sacramentou a vitória para o Nacional FC.

Leão da Vila Municipal volta a campo no próximo dia 17, diante do Princesa do Solimões, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Amazonense.

O jogo

Nacional e Penarol iniciaram a partida cada um querendo impor seu jogo. O Naça tenta seu primeiro ataque com Jeferson Siqueira, mas a atenta a zaga do Penarol tira.

Aos 06 min, Railson é lançado, arranca em velocidade, mas é interceptado pela zaga azulina. Nacional arma jogada, Alexsandro recebe, parte e chuta, mas ela vai sobre o gol de Raiscifran.

Aos 10 min, Railson cobra escanteio, Ivanzinho chuta, Marcelo Valverde rebate e sobra para Charles Chenko que abre o placar para o adversário. Nacional 0 x 1 Penarol.

Aos 12 min, Fininho cobra falta, ela sobra para Alexsandro que manda para o gol, mas Raiscifran defende. Em seguida, Glaybson recebe no meio, chuta forte, mas a bola para nas mãos do goleiro penalorense. O mesmo aconteceu com Glaybson que avança pela esquerda, mandou para a área, Balotelli de cabeça, para a defesa de Raiscifran.

Aos 30 min, é Balú quem cruza para Balotelli, mas a arbitragem pega falta do centroavante nacionalino.

5 minutos depois, Railson recebe de Branco e arrisca, ela assusta Marcelo Valverde.

Aos 40 min, o técnico Arthur Bernardes decide mexer no time. Sai Alexsandro e entra Wallace. Em seguida, Glaybson, recebe e chuta, mas a bola para na zaga.

Nos acréscimos, aos 47 min, Paulo Roberto deixa tudo igual no Carlos Zamith. Ele recebe na frente e toda na saída da Raiscifran.

Segundo tempo

Naça volta com mais garra. Aos 2 min, Balú cobra lateral, Wallace chuta forte, mas ela vai para fora.

O bandeira marca dois impedimentos seguidos para o Naça, o primeiro em Paulo Roberto que recebe de Balú e fica livre para bater e Balotelli que é impedido de concluir a jogada.

O mesmo aconteceu com Branco do Penarol. Ele recebeu na frente, mas o bandeira marcou impedimento.

Aos 12 min, o técnico nacionalino decide novamente mexer no time. Sai Fininho para a entrada de Adonias, que já mostra serviço no lance seguinte. Após receber de Paulo Roberto chuta forte, ela passa sobre o gol de Raiscifran.

Aos 18 min, Paulo Roberto recebe na lateral, invade a grande área e é derrubado por Pastor. O juiz marca pênalti para o Nacional.

Glaybson vai para a cobrança, mas Raiscifran sai bem e faz a defesa.

Penarol tenta assustar com Branco que lança Railson, mas para na zaga nacionalina. Em seguida, o técnico adversário decide realizar a primeira substituição, sai Charles Chenko e entra Ronivaldo. O mesmo faz o técnico nacionalino, tira Glaybson e coloca Carlos Felipe.

Aos 33 min, Leozinho do Penaorl recebe no meio e arrisca, mas ela vai para fora.

Aos 34 min, Leozinho e Carlos Felipe se estranham e o arbitro decide expulsar os dois jogadores, um de cada equipe.

Substituição do Penarol, entra Jardel no lugar de Branco. Aos 44 min, Paulo Roberto avança e chuta, mas ela bate em Pastor e sai pela lateral.

Aos 47 min, o minuto do Nacional. Após cruzamento de Pedro Balú, Guigui sobe mais alto que a zaga do Penarol e deixa o Naça a frente do placar. Naça 2 x 1 Penarol.

Nacional ainda teve mais uma chance. Paulo Roberto recebe no meio e chuta forte, mas ela passa sobre o gol.

 

NACIONAL FUTEBOL CLUBE

Marcelo Valverde, Balú, Jeferson Siqueira, Guigui, Baé, Glaybson (Carlos Felipe), Michel, Alexsandro (Wallace), Balotelli, Fininho (Adonias) e Paulo Roberto.

PENAROL ATLÉTICO CLUBE

Raiscifran, Antony, Ferrugem, Pastor, Ivanzinho, Gilvane, Jeferson, Leozinho, Branco (Jardel), Railson, Charles Chenko (Ronivaldo)

ARBITRAGEM

Árbitro: Weden Cardoso Gomes
Assistentes: Ivo Fernando da Costa de Sousa e José Luis de Oliveira Ramos
Quarto árbitro: Edmundo Tiburcio F. Araújo