21 de agosto de 2018
Manaus,BR
°C

Notícias

Nacional empata em 1 a 1 com São Raimundo

O Nacional Futebol Clube empatou com o São Raimundo, em partida realizada na tarde deste sábado (27), no estádio Ismael Benigno, a Colina. Os gols foram marcados por Zé Antônio, que abriu o placar de falta, aos 19 minutos do segundo tempo para o Naça. Aos 30 minutos, Denis Maranhão deixou tudo igual na Colina.

O jogo

A partida começou com o Nacional mostrando sua força e sua vontade, queria ganhar. Do outro lado, o São Raimundo respondia, com algumas bolas em direção ao gol, mas sem levar muito perigo a Marcelo Valverde.

Aos 5 minutos, as duas equipes faziam um jogo equilibrado. O Nacional que queria a vitória a qualquer custo, não se intimidou diante do adversário São Raimundo. Tanto que nos primeiros minutos, Rodrigo Ítalo trabalhando pela lateral e Fininho pelo meio, diversas vezes colocavam a bola nos pés de Alexsandro, mas ela insistia em não entrar.

O São Raimundo até chegada ao ataque, mas também não conseguia finalizar a jogada.

Após 8 minutos de jogo, o Naça teve a chance de abrir o placar com Alexsandro, após cruzamento de Fininho, mas a bola passa raspando a trave.

Aos 15 minutos, foi Rodrigo Ítalo quem colocou a bola nos pés de Alexsandro, mas novamente ela vai para fora. Em seguida, falta para o Naça, Rodrigo Ítalo bate pra fora. O mesmo aconteceu na cobrança de Zé Antônio.

Aos 21, Filipe Cristiano, do São Raimundo, recebe amarelo por falta em Alexsandro. Aos 30 minutos, Fininho cruza, Alexsandro desvia de cabeça, mas goleiro Matheus defende o que seria o gol do Naça. Aos 35 minutos, Fininho cobra falta direto para o gol, mas Matheus impede novamente o gol azulino.

Balú, do Nacional, recebe cartão amarelo, aos 45 min por falta em Silvio.

O primeiro tempo termina sem gols, mas o Naça pressiona o adversário. Naça 0 x 0 São Raimundo.

Segundo tempo

São Raimundo mexe no time, sai Dedezinho e entra Lucas Victor.

O Leão da Vila volta a campo com uma postura mais confiante. Nos primeiros minutos, Rodrigo Ítalo sofre falta. Ele mesmo vai para a cobrança, a bola assusta o goleiro adversário, mas vai para fora.

Aos 12 minutos, Fininho recebe cartão por falta em Silvio. Aos 14 min, mudança no Tufão, sai Macleison entra Adrianinho.

Mas aos 17 minutos, Paulo Roberto recebe falta na entrada da grande área. Aos 18 minutos, o zagueiro Zé Antônio vem de trás para a cobrança da falta, Com maestria coloca ela no canto direito do goleiro Matheus abrindo o placar para o Leão Mais Querido do Norte. Naça 1 x 0 São Raimundo.

Na comemoração do gol de Zé Antônio, o atacante Willian Amorim, que estava no banco de reservas, recebeu cartão amarelo por entrar em campo.

Aos 20 minutos, Alexsandro arranca e leva perigo ao gol do São Raimundo. Diante da pressão nacionalina, o Tufão decide atacar.

Aos 21 min, Zé Antônio recebe cartão por falta em Denis Maranhão. Aos 24, foi Rodrigo Ítlo que foi amarelado também por falta.

Sinomar decide mexer no Naça, aos 26 min, sai Jack Chan entra Gustavo.

Aos 29 minutos, a arbitragem optou por parada técnica. Na volta, aos 30 minutos, o São Raimundo empata. Filipe Cristiano cobra falta, Denis maranhão desvia de cabeça e deixa tudo igual na Colina. Naça 1 x 1 São Raimundo.

Aos 35 min sai Rodrigo Ítalo entra Adonias no Naça. Aos 40 min Naves mexe de novo, sai Alexsandro e entra Willian Amorim no time azulino.

No lance seguinte, Filipe Cristiano novamente assusta, mas Marcelo Valverde atento faz grande defesa.

Em seguida, lance polêmico, Willian Amorim do Naça que havia acabado de entrar faz uma falta dura e como já tinha um cartão amarelo, recebeu o segundo e foi expulso da partida. Naça fica com 10 em campo.

Aos 45 minutos, o árbitro dá mais seis minutos de acréscimos, porém não houve mais alteração no placar da partida.

Fim de jogo: Nacional FC 1 x 1 São Raimundo EC.

Ficha da partida

NACIONAL FUTEBOL CLUBE:
Técnico: Sinomar Naves

Marcelo Valverde; Pedro Balú, índio, Zé Antônio e Rodrigo Ítalo; Baé, Delciney, Fininho e Alexsandro; Jackie Chan e Paulo Roberto

SÃO RAIMUNDO ESPORTE CLUBE
Técnico: Marquinhos Piter

Matheus; Endy, Ediglê, Wellinghton e Palheta; Filipe Cristiano, Rafinha, Macleison e Dedezinho; Denis Maranhão e Silvio.

Arbitragem:
Árbitro: Carlos Augusto Santos de Souza
Assistentes: Alexandro Lira de Alexandre e Hugo Agostinho C de Paixão
Quarto árbitro: Elenildo Batista Rodrigues